Oposição desesperada apela para factoides e até protestos de ‘gatos pingados’ no Litoral Sul

Inexpressiva, desorganizada e vivendo de um factoide atrás do outro, assim vive a pseudo-oposição. Não será com perseguição política, intransigência autoritária e tentativas de inviabilizar uma gestão que se mudará o resultado das urnas do dia 02 de outubro de 2016.

Oposição desesperada apela para factoides e até protestos de ‘gatos pingados’ no Litoral Sul
Esse foi a ato de Protesto da oposição em Caaporã… Dos 22 mil habitantes, esses estão insatisfeitos.

Inexpressiva, desorganizada e vivendo de um factoide atrás do outro, assim vive a pseudo-oposição. Não será com perseguição política, intransigência autoritária e tentativas de inviabilizar uma gestão que se mudará o resultado das urnas do dia 02 de outubro de 2016.

A oposição derrotada, inconformada e desnorteada de algumas cidades do Litoral Sul da Paraíba, vive de factoides, de tentativas de manobras jurídicas e principalmente de muitas mentiras para sobreviver ou tentar abocanhar algum cargo nas gestões atuais, como é o caso de muitos que vivem batendo e se oferecendo aos prefeitos.

A meia dúzia que ainda é bancada pelos derrotados na região, já vem caindo no descrédito, porém, não sabem fazer outra coisa, a não ser o mal, pois não possuem competência necessária para encontrar outros empregos, ou ocupação e vivem sonhando que voltarão a mamar nas tetas do poder.

O pior é que essa meia dúzia tenta manobrar mais meia dúzia para valorizar seus passes. Saibam que muitos desses opositores ferrenhos, vivem mandando recadinhos avisando que “se quiserem que eles parem, estarão à disposição para conversar”.

Mas, vacinados contra as artimanhas traiçoeiras dos opositores, ignorar está sendo o melhor remédio dos prefeitos que vem respondendo aos ataques diários com muito trabalho.

Na falta de ter o que falar ou por pura falta de capacidade de identificar problemas reais, a turma do “Quanto Pior Mirassol Melhor” resolveu realizar um ato em Caaporã neste feriado, dia 15, coincidência ou não, mesmo número do partido do ex-prefeito Doutor João Batista Soares (PMDB), que passou 8 anos no poder. Os aliados do ex-prefeito passaram cerca de 10 dias com carros de som nas ruas da cidade, nas redes sociais e até na rádio do politico comunicado que teria esse “protesto”, mas o evento que contou com cerca de 50 pessoas foi um total fracasso, tendo em vista que a cidade possui 22 mil habitantes! Protestar após 11 meses de gestão do Prefeito Kiko Monteiro, após 8 anos de uma gestão catastrófica , só podia dar nisso… Fracasso total, e oposição desmoralizada!!!!!

Já em Alhandra, todos os dias são criados factoides contra a gestão do prefeito Renato Mendes, principalmente na área jurídica onde o gestor enfrenta diversas ações judiciais impetradas pela oposição derrotada. Todo dia é um sai, vai, foi, já era, cassado, novas eleições, etc e tal… E a cada mentira, o gestor se fortalece e mostra como se faz obras de verdade na cidade.

A eleição acabou, a agenda do retrocesso foi derrotada, mas a oposição rancorosa e inconformada continua nas ruas, nas redes sociais e até presente em sua minoria nos Tribunais sem aceitar a democracia, a vontade do povo, a vontade das urnas.

No momento que deveria ser de celebração da democracia e de respeito à soberania popular, a oposição continua com o anunciado enfrentamento permanente, a guerra sem trégua.

O ódio continua sendo borrifado no ar. As pregações cheias de rancor são ainda propagadas na internet e no espaço público, promovendo o terrorismo econômico contra a economia local, calúnias e difamação contra tudo e contra todos que fazem parte das gestões citadas.

Mas, temos um bom exemplo em Pitimbu, onde após a derrota, a oposição recolheu a bandeira, desceu do palanque e aguarda uma nova oportunidade para mostrar melhores propostas em 2020. Isso sim é respeitar a soberania popular.

O povo teve a oportunidade de escolher e em sua maioria de votos, fez sua opção pelos eleitos.

Então, é por essas e outras que a já desidratada e inexpressiva oposição se desmaterializa cada vez mais e mais. Uma pena, pois em toda salvável e boa democracia uma oposição coerente, que não torça só para dar errado por dar errado, é de uma enorme contribuição tanto para o debate quanto para ajudar a fiscalizar os suados recursos arrecadados pelas administrações. Critica construtiva, denúncias reais e oposição em prol do povo e não do bolso, sempre é bem vinda em qualquer lugar.

Estrebuchar, espernear, se lamentar, mentir, “chorar lagrimas de jacaré” não é a solução… Respeito é o caminho!

 

Fonte: Portal do Litoral