Prefeito de Caaporã representa 20 municípios do Litoral durante evento do Governo do Estado

O prefeito de Caaporã, Kiko Monteiro (PDT), representou 20 municípios do Litoral Paraibano durante solenidade do Governo do Estado que assinou a ordem para contratação de empresa especializada na implantação de expansão da rede de água na região. Um investimento de mais 200 milhões de reais na Paraíba, e mais de 6 milhões no Litoral paraibano.

Prefeito de Caaporã representa 20 municípios do Litoral durante evento do Governo do Estado

O prefeito de Caaporã, Kiko Monteiro (PDT), representou 20 municípios do Litoral Paraibano durante solenidade do Governo do Estado que assinou a ordem para contratação de empresa especializada na implantação de expansão da rede de água na região. Um investimento de mais 200 milhões de reais na Paraíba, e mais de 6 milhões no Litoral paraibano.

O evento foi realizado no Cine São José em Campina Grande, com as presenças do governador Ricardo Coutinho, secretário João Azevedo, deputados e demais autoridades.

A maioria das obras integra o Programa Mais Trabalho 2, lançado este mês, com quase R$ 210 milhões de recursos investidos em diversas áreas. Segundo o governador Ricardo Coutinho, as obras executadas pela Cagepa chegam a R$ 71 milhões de investimento, distribuídos para oito cidades que terão saneamento integral, além de 180 municípios que terão ampliação de rede de distribuição de água, entre outras ações.

Kiko Monteiro agradeceu ao Governo do Estado pelo fato de ter sido indicado para representar os vinte municípios beneficiados, assinando a ordem de contratação da empresa especializada. “Só temos a agradecer ao Governador Ricardo Coutinho e ao Secretário de Infraestrutura do Estado, João Azevedo, por mais esse benefício voltado para população do Litoral, com ações que vão melhorar a distribuição de água para os municípios contemplados e quem ganha com isso é o povo que terá água de qualidade nas torneiras”, disse o prefeito de Caaporã.

O chefe do Executivo Estadual ainda ressaltou que todos os recursos para as obras autorizadas já estão garantidos. “As ações que serão executadas dentro do Mais Trabalho 2 estão com verba separada e, à medida que forem feitas, serão pagas. Inclusive, algumas obras da Suplan que anunciamos hoje nem estavam no Mais Trabalho, porém incluímos no cronograma e serão feitas”, garantiu.

 

Fonte: Portal do Litoral