Prefeito participa de reunião para debater ações na segurança pública de Caaporã

O prefeito de Caaporã, Kiko Monteiro, e representantes das Polícias Civil e Militar se reuniram, nesta quarta-feira (22), para discutir o reforço da segurança no município.

Prefeito participa de reunião para debater ações na segurança pública de Caaporã

O prefeito de Caaporã, Kiko Monteiro, e representantes das Polícias Civil e Militar se reuniram, nesta quarta-feira (22), para discutir o reforço da segurança no município. O encontro aconteceu na Câmara de Vereadores e foi motivado depois de uma série de registros de assaltos a bancos, roubos e crimes violentos na cidade.

Na reunião, que contou também com a participação dos vereadores, comerciantes, Guarda Municipal e Conselho Tutelar, os participantes discutiram medidas de segurança em conjunto entre o município e as forças policiais para barrar o aumento da violência local.

“Falamos sobre medidas efetivas de segurança à população. A união entre os poderes é de extrema importância para garantir a qualidade de vida dos munícipes”, destacou o delegado seccional da Polícia Civil do Litoral Sul, que participou do encontro ao lado do capitão Kelton Pontes, comandante da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM).

O prefeito ressaltou que vai colaborar com a segurança investigando na melhoria da infraestrutura nas ruas, como a iluminação das vias e a implantações de políticas públicas na segurança.

“Nossa população está amedrontada. Passamos por momentos de explosão a banco, Prefeitura destruída, serviços bancários paralisados e precisamos fazer algo para amenizar o sofrimento dos caaporense. Por isso, colocamos as ações e serviços da Prefeitura à disposição para contribuir e melhorar a segurança local. Estamos iluminando ruas, reforçando o trabalho da Guarda Municipal e nos colocando como parceiros das policiais civil e militar”, destacou Kiko Monteiro

O delegado explicou ainda que a Polícia Civil está empenhada em elucidar alguns assassinatos que aconteceram na cidade e investigações estão em andamento para prender suspeitos de assaltos, tráfico de drogas e roubo.

“Registramos um aumento de assaltos na cidade, mas estamos em força tarefa para colocar atrás das grades os criminosos. As investigações estão acontecendo para prender os suspeitos e tranquilizar a população. É muito importante a integração do município com as polícias”, falou Aneilton Castro.

Fonte: Portal do Litoral